09/02/2022

Reforma sempre dá dor de cabeça? Veja como evitar sufoco na sua!

A reforma de sua casa é o sonho que muitos brasileiros querem realizar algum dia. Desde o banheiro até a sala, várias pessoas querem ver a sua residência muito mais bonita e renovada.

Entretanto, só de pensar em uma empreitada do tipo é o suficiente para desanimar muitos de seu sonho. Afinal, uma boa reforma pode custar caro para o bolso do consumidor comum, sem contar os possíveis problemas com pessoal.

Por isso, para muitos, algo do tipo é sinônimo de dor de cabeça na certa, mas esse não precisa ser o caso! Sabendo como utilizar os recursos disponíveis da melhor maneira pode evitar sufoco na sua reforma e torna-la muito mais dinâmica, deixando a sua casa linda no processo.

Ficou interessado na proposta? Prossiga com a leitura e descubra como deixar a sua futura reforma muito mais ordeira!

 

Faça um planejamento

Antes de tudo, talvez o passo mais importante em uma reforma é saber claramente os objetivos e planos que você tem em mente. Apesar de parecer estranho, existem diversos casos de pessoas que começam uma obra sem saber tudo o que querem fazer.

Uma reforma mal planejada é a receita perfeita para intermináveis obras que, a cada dia que passa, ficam mais custosas e, quando finalizadas, não são o que o proprietário tinha originalmente pensado.

Um planejamento bem pensado, detalhado e com todas as necessidades já sabidas de antemão ajuda a evitar riscos e aumenta a probabilidade de sucesso. Por isso, ao planejar a reforma de sua casa, tente dividir o processo em etapas, desta forma, é possível gerenciar o gasto de tempo e dinheiro em cada parte da obra.

E se caso algo não ocorrer como planejado originalmente, tal fato será mais perceptível e você conseguirá facilmente colocar a obra de volta nos eixos.

Além disso, saber a ordem de cada etapa ajuda você a lidar e evitar problemas com o gesso no teto após ter feito o piso, garantindo assim que seu piso não fique com pingos brancos, comprometendo sua estética.

 

Procure inspiração em lugares diferentes

Caso ainda não tenha uma ideia certa do que pretende fazer, tente buscar por ideias que podem lhe chamar a atenção. Procure fotos e ideias na internet, ou, se quiser, converse com um arquiteto ou decorador, tais profissionais tem uma visão especial de como deixar um cômodo com um tom mais aconchegante.

Com as redes sociais e a possibilidade do compartilhamento de fotos, nunca ficou tão fácil procurar inspiração. 

 

Defina um limite de orçamento em linha com a sua renda

Afim de evitar que os custos da reforma aumentem e que, ao seu final, você gaste muito mais do que tinha imaginado, defina um limite antes de iniciar qualquer coisa. Faça um orçamento e pesquise os valores dos materiais e dos profissionais que pretende contratar.

Não se esqueça também de levar em conta os gatos com luz e água, já que, dependendo da reforma, tais gastos podem aumentar exponencialmente.

Feito isso, avalie a sua capacidade de pagamento, ou seja, se o capital disponível será suficiente para terminar o mês sem ficar endividado ou com o orçamento apertado. O ideal é que uma reserva especialmente para esse tipo de ação seja feita.

 

Escolha profissionais de qualidade

Outro ponto importante de uma reforma é o tipo de profissional contratado para realizar as suas partes mais técnicas. Não é recomendado escolher o mais barato pela questão da economia se ele não vai conseguir entregar o trabalho completo.

Além de escolher com prudência os profissionais que serão responsáveis pelo bom andamento de sua reforma, não se esqueça de que cada serviço tem o seu tempo, por isso, não contrate muitos prestadores de serviço simultaneamente, pois podem acabar atrapalhando o serviço um do outro.

 

Experimente criar um cronograma da reforma

Uma boa organização é sempre bem-vinda e muito benéfica, especialmente em reformas que possuem diversas etapas bem distintas. Por isso, experimente, com a ajuda de um profissional, fazer um cronograma e colocar prazos possíveis de serem cumpridos.

Tente também descobrir quantos dias serão necessários para fazer alguns dos serviços, como pintar, lixar ou fazer as paredes e marque em uma agenda ou calendário o prazo, é essencial incluir cada parte em seu cronograma.

 

Adquira materiais de qualidade

Economizar em materiais, assim como em pessoal capacitado, é outra das economias que podem trazer mais problemas e dores de cabeça do que benefícios. Em nestas ocasiões, o ditado “ o barato sai caro” se encaixa perfeitamente.

Não faz sentido gastar menos em materiais de qualidade ruim sabendo que terão que ser trocados em pouco tempo. Além de possuírem um baixo custo-benefício, sua baixa confiabilidade pode ser perigosa para você e para o imóvel.

 

Não tenha muita pressa

Não é necessário e nem recomendado fazer a sua reforma com muita pressa, além de correr o risco de ficar malfeita, ela é a melhor amiga do orçamento estourado. Tentar acelerar um processo que necessita de tempo pode trazer mais consumos, estresse e possíveis retrabalhos.

É necessário um bom controle de tempo para que a reforma não atrase por motivos de desatenção, negligencia ou descuido, afinal, é a segurança sua e da casa que está em jogo.

 

Assegure-se da limpeza e a arrumação da reforma

Além de assegurar um ambiente de trabalho limpo, uma reforma organizada pode evitar que você tenha gastos desnecessários. Já uma bagunçada e desordeira, além de ser desagradável, faz com que materiais de trabalho, como pregos, martelos e parafusos sumam facilmente, sem contar os desperdícios que são comuns de ocorrer neste tipo de ambiente.

Para garantir que sua reforma esteja em um bom estado, garanta que as peças usadas estão em seu devido lugar sempre e que sejam guardados corretamente após serem usados.

 

Imprevistos acontecem, mas não se esqueça deles

É quase certo que ocorrerá imprevistos em uma reforma. Desde os mais pequenos, como a quebra de um azulejo, até os mais grandes, como um cano perfurado, é importante não se frustrar muito com os imprevistos, pois acontecem, e mais vezes do que se gostaria.

 

Conte com uma assessoria de obra

Ter uma empresa fazendo a gestão dos materiais usados na sua reforma é uma maneira de assegurar que tudo será utilizado de maneira consciente e evitando o desperdício.

Para tanto, você pode contar com o apoio da Arqplace, que pode fazer esse gerenciamento para você!

Entre em contato com o nosso time de especialistas e nos deixe te ajudar a ter uma reforma mais tranquila!

 

 

 

Fale conosco
pelo Whatsapp