13/12/2022

Como as cores influenciam o ambiente? Aprenda escolher as ideais para cada cômodo!

A escolha das cores para a sua casa influenciam muito no ambiente que você deseja criar. Psicologicamente falando, elas emanam diferentes tipos de energia, de modo a estimular as suas sensações.

Por isso, vale a pena pesquisar um pouco sobre esse tema quando estiver planejando a pintura de sua casa ou apartamento.

Afinal, vale tudo para ter um ambiente harmônico, confortável ou refinado, conforme os seus interesses principais.

Então, confira esse guia que preparamos sobre as cores e a influência que elas podem ter em sua casa, e aprenda qual é mais adequada para cada tipo de ambiente!

 

As cores ideais para cada ambiente e o que elas remetem

Você sabia que cada cor tem um significado e transmite um tipo de sensação diferente para você?

Cores claras, por exemplo, trazem calma para os espaços, enquanto as cores vibrantes agregam mais alegria e vivacidade aos ambientes.

Daí a importância de saber escolher as tonalidades que serão escolhidas para colorir a sua casa!

As cores dos cômodos não só complementam a decoração com estilo e personalidade, como também podem influenciar diretamente no bem-estar dos moradores. Uma cor mal escolhida pode deixar o ambiente mórbido e poluído visualmente.

Além disso, determinadas cores podem causar irritação e cansaço visual. Quer descobrir quais são as cores ideais para cada ambiente da sua casa? Continue lendo o nosso artigo e confira cada uma delas!

Cozinha: cores claras para remeter à higiene

Para colocar cores nas cozinhas, a melhor escolha é sempre o branco, pois essa tonalidade cria a sensação de amplitude, oferece conforto visual e transmite a ideia de higiene – característica essencial em ambientes nos quais alimentos são preparados.

Para dar um toque de cor e personalidade à cozinha da sua casa, invista em detalhes (bows, móveis, eletrodomésticos, cortinas, toalhas de mesa e louças) com tons mais vibrantes, como por exemplo, o vermelho.

Vale destacar que peças vermelhas, amarelas ou alaranjadas estimulam o apetite.

Sala: um toque de cor e aconchego

A sala deve ser um espaço bonito e acolhedor. Para conseguir esse resultado, é importante usar as cores a favor da decoração, sempre considerando o efeito que você pretende criar.

A cor mais adequada para esse ambiente, especialmente em salas muito amplas, são os tons mais escuros, como o grafite, o marrom e o marsala. Eles deixam o cômodo mais aconchegante.

Em espaços menores, use e abuse de tonalidades claras, como o branco e o amarelinho. O princípio vale, inclusive, para os tapetes, mantas e cortinas.

Quarto: sossego à toda prova

Os quartos são ambientes que precisam ser aconchegantes e favoráveis ao descanso. Sendo assim, as melhores cores para os dormitórios, tanto de casal quanto de solteiros, são os tons claros, como branco, salmão, nude e palha.

Se quiser acrescentar um toque de cor à decoração, aposte em roupas de cama mais vibrantes, tapetes, almofadas, vasos e outros objetos decorativos que trazem alegria ao ambiente.

Nos quartos infantis, inclusive, você pode usar colchas e edredons bem coloridos, em tons de pink, turquesa, verde limão ou laranja.

Banheiro: branco para deixar o espaço mais agradável

Assim como a cozinha, o banheiro precisa passar a sensação de higiene para quem frequenta aquele ambiente.

Nesse caso, um banheiro branquinho, com revestimentos claros e boa iluminação, passa a impressão de limpeza e torna esse espaço íntimo e privado mais agradável. Isso não deve te impedir de investir em toalhas, tapetes e kits de bancada para decorar o espaço.

Varanda: tons vibrantes, por que não?

Ambientes externos, como varanda e sacada, pedem cores fortes, como laranja, mostarda, vermelho e marsala.

Até o fúcsia pode ser usado, uma vez que se trata de uma área mais ampla e aberta, que não vai parecer pequena se uma tonalidade escura for utilizada. É importante buscar o equilíbrio, fazendo um balanceamento entre o tom forte da parede, com móveis mais claros.

No caso de paredes clarinhas, então você pode apostar na madeira rústica e peças mais escuras. A regra também se aplica a espaços gourmet!

Home Office: em busca de concentração e tranquilidade

Os escritórios residenciais e as salas de estudo devem ser tranquilas e favorecer a concentração e estado de alerta.

O branco é uma ótima cor para essa finalidade, que deve ser usado não somente nas paredes, como também na iluminação.

O amarelo na paredes também é bem-vindo, pois é uma tonalidade que estimula a criatividade e raciocínio lógico. Se o que você mais deseja no seu home office é um pouco de calma para trabalhar, o verde ou azul claro são opções serenas e totalmente apropriadas para esse fim.

Agora, se você não abre mão de sobriedade e elegância, aposte no bege ou no cinza.

 

Mas, atenção!

Antes de finalizarmos o nosso artigo, vale a pena deixarmos uma coisa bem esclarecida: essas são apenas sugestões, com base em análises psicológicas, arquitetônicas e decorativas.

Isso quer dizer que não são, nem de longe, regras que devem ser cumpridas. Afinal, quem escolhe o que fica melhor em sua casa é você!

Se quiser ousar e fazer uma cozinha toda vermelha, se joga! Ou, então, um quarto bem colorido, com muitos elementos diferenciados!

Vale tudo quando você está criando o seu cantinho e o mais importante é que ele seja a sua cara.

Por isso, não se preocupe em seguir nenhuma regra, caso não queira. Criamos esse artigo apenas como uma sugestão, com a intenção única de te ajudar e orientar, caso prefira dar seguimento ao projeto de pintura de maneira mais tradicional e padronizada.

Além disso, nada impede que você use cores mais neutras e aposte em elementos decorativos mais ousados.

Nesse caso, nós te convidamos a conhecer o portfólio da Arqplace. Certamente, aqui você encontrará peças que deixarão a sua casa ainda mais incrível e bonita. Acesse nosso site e saiba mais!

 

Fale conosco
pelo Whatsapp